Dores na bexiga ao urinar: o que pode ser?

A+

A

A-

Instagram
LinkedIn
YouTube
Título
Categoria: Sem categoria

A chamada disúria é uma micção caracterizada pela dor ou desconforto, tipicamente identificada por uma sensação aguda de queimação. Não é normal. Pelo contrário, embora não haja necessidade de alarde, a dor na bexiga sentida ao urinar pode se resultar de algumas doenças inflamatórias.

As principais causas

Há muitas causas prováveis para dores na bexiga e todas elas sugerem a busca de um médico especializado em urologia. De uma maneira bastante geral é possível dizer que a dor, ou queimação, ao urinar é provocada pelo contato da inflamação com a urina. Então, é realmente importante procurar atendimento médico especializado para diagnosticar e tratar das causas desse desconforto. Entre as causas mais comuns para a disúria se destacam:

Infecção urinária: uma infecção que pode afetar a bexiga e a uretra, e nos casos mais graves pode atingir os rins. É a causa mais frequente de dor na bexiga. Além da dor ou desconforto já mencionados, a infecção urinária apresenta sintomas como:

  • Aumento na frequência de urinar, mas com baixo fluxo de urina;
  • Presença de sangue na urina;
  • Dor na uretra durante a relação sexual;
  • Febre baixa;

A infecção urinária precisa ser tratada logo para evitar que atinja os rins. O tratamento pode ser à base de antibióticos, anti-inflamatórios e analgésicos para aliviar a dor e o desconforto. Além do tratamento médico nessa fase da recuperação, é essencial beber pelo menos 2 litros de água por dia.

Inflamações na bexiga: outra causa para a dor na bexiga pode ser algum tipo de inflamação que precisa ser investigada por um urologista. A presença de tumores na bexiga ou mesmo alterações na próstata podem provocar infecções no órgão que se resultam em dores, principalmente, na região pélvica.

As inflamações na bexiga devem ser tratadas de acordo com sua causa especifica. Por isso, é fundamental buscar o diagnóstico de médico urologista que definirá o tratamento mais adequado para o caso prático.

Pedra nos rins: os cálculos renais podem se instalar em qualquer região das vias urinárias, causando dor ao se movimentar, e em grande intensidade quando esbarra nas paredes da uretra, podendo ocasionar a presença de sangue na urina.

O tratamento nem sempre é simples e pode exigir intervenção cirúrgica. A hidratação diária é importante e pode ajudar na expulsão do cálculo, mas, ao sinal de dores que possam indicar pedra nos rins, o urologista deve ser procurado para uma investigação clínica a fim de determinar a existência dos cálculos e os procedimentos adequados.

Hiperplasia benigna da próstata: as doenças anteriormente mencionadas podem ocorrer em qualquer idade. A hiperplasia benigna da próstata, por outo lado, é mais comum em homens com mais de 50 anos. Não está ligada com o câncer de próstata, mas pode causar dor ao urinar, aumento na frequência de urinar com baixo fluxo de urina e desconforto na bexiga.

No caso da hiperplasia benigna da próstata, seu impacto na vida do paciente pode ser minimizado de maneira mais eficiente quando detectada em seu início. Por isso é importante que o homem faça acompanhamento com um urologista a partir dos 40 anos de idade e, identificando alguns desses sintomas, deve procurar orientação médica.

Para conhecer mais sobre este tema ou outras condições em urologia que podem merecer atenção médica, aproveite o blog mantido na webpage do Hospital Santa Cruz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu